Eletromecânica - IoT 8/3/2018 Admirável mundo novo da conectividade - Parte I
Nos últimos anos, o termo Indústria 4.0 tem sido empregado para definir uma tendência tecnológica tão inovadora quanto inevitável. Trata-se do surgimento das chamadas "fábricas inteligentes" – processos que combinam sistemas virtuais e físicos por meio de plataformas digitais de comunicação.

O desenvolvimento das fábricas inteligentes foi drasticamente acelerado com a chegada da Internet das Coisas (Internet of Things - IoT) e uma de suas mais promissoras aplicações, a Internet Industrial das Coisas (IIoT). Essas novas tecnologias possibilitam conectar máquinas – por meio de sensores e outros dispositivos – a uma rede de computadores, proporcionando a automação do controle da produção, para ampliar a eficiência, a segurança e a rentabilidade das operações.

É fácil compreender que praticamente todos os segmentos industriais poderão se beneficiar enormemente de linhas de produção nas quais os equipamentos se comunicam e interagem de forma autônoma.

Oportunidades em 90%
Monitorar e gerenciar máquinas via rede significa, por exemplo, aumentar a qualidade dos processos, ao mesmo tempo em que se reduzem as intervenções para manutenção. Mas os benefícios vão ainda além. Há muitos outros avanços no admirável mundo novo da conectividade industrial.

Calcula-se que a IoT de nível gerencial seja capaz de absorver apenas cerca de 10% dos dados gerados em uma fábrica. Isso mostra que o suporte à manutenção preditiva e a consequente melhoria da performance da produção dependem da IoT aplicada aos componentes e subsistemas discretos, para se obter e analisar os 90% de dados restantes para transformar o desempenho da operação.

As máquinas falam
Recentemente, a Parker apresentou sua própria plataforma dedicada à Internet das Coisas (www.parker.com/IoT). Trata-se de um ambiente aberto, interoperável e seguro de soluções conectadas para a manufatura. Com o sugestivo nome Voice of the Machine (VOM), esta plataforma foi criada para viabilizar a transformação digital proposta aos usuários industriais das tecnologias IoT em todo o mundo.

Continue lendo
Expediente ©Parker Hannifin Corp. 2015